Aumento do salário mínimo regional no RS é classificado como “retrocesso” por deputado

Foi aprovado na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul o aumento do piso regional no estado. Os deputados do NOVO, Fábio Ostermann e Giuseppe Riesgo, foram alguns dos poucos deputados a votarem contra a proposta.

“A medida pode ser bem intencionada, mas prejudica a recuperação econômica do nosso estado e, principalmente, o trabalhador mais pobre, que não tem acesso ao mercado formal. Seguiremos adiante na batalha de ideias sem nos render a demagogias e à mentalidade intervencionista que ainda dominam e aprisionam nosso estado”, declarou Ostermann. A sessão de votação teve debates acalorados entre o deputado e os parlamentares que votaram a favor do aumento do piso.

Confira o pronunciamento do deputado abaixo: