FABIO OSTERMANN DESMASCARA LUCIANA GENRO (MAIS UMA VEZ)

Nesta quinta-feira (1º/09) participei do debate entre os candidatos à Prefeitura de Porto Alegre organizado pelo SIMPA, o sindicato de funcionários do município.

O clima estava tenso. Logo na abertura do debate, a presidente do sindicato começou alertando para a gravidade do “golpe” que teria ocorrido no dia anterior com a conclusão do processo de impeachment de Dilma. O auditório estava lotado com mais de 600 pessoas presentes. A maioria militantes de PSOL, PT, PCdoB e PSTU que urravam e vaiavam todos os candidatos que não fossem dos partidos de esquerda.

Chegou minha vez. Para me apresentar, optei por um recurso diferente: li um trecho de uma entrevista de uma candidata à Prefeitura onde ela manifestava visão diametralmente oposta àquela manifestada 5 minutos antes no mesmo debate. A partir daí, algumas coisas mudaram no debate. Confiram!